terça-feira, 14 de agosto de 2012

Retomando aos pouquinhos...

É, faz tempo que não apareço por aqui,não é? Minha saúde física teve algumas reviravoltas que me deixaram um tanto quanto perdida na vida. Enfrentei e continuo enfrentando dificuldades em lidar com minha atual situação e optei por me omitir até porque meu blog não foi construído para lamentações, pelo contrário, foi construído para levar alegria à todos que conheço e até para os que não conheço, motivo pelo qual, não me achava bem o suficiente para retomar-lhe a escrita.

No entanto, ontem especialmente, algo aconteceu que tive necessidade de deixar gravado na minha história.

Levantei como de costume com uma grande falta de ar. Mas uma falta de ar muito forte que me exauriu as forças. Tomei uma inalação que acelerou meu coração, efeito colateral da medicação. A falta de ar sumiu, mas o cansaço perdurou pelo dia inteiro com uma intensidade tão grande que cheguei a ir no ambulatório medir a pressão que estava baixa.

Voltei para casa muito tarde, quase 22 horas e fui terminar a janta, lavar roupas, preparar as coisas para o dia seguinte até que finalmente eu fui me deitar.

Tive um sonho lindo... Daqueles sonhos que a gente não se lembra de quase nada, mas que sabemos ter sido formidável. No sonho só sei que tive uma conversa longa, muito longa, com um homem que no sonho eu conhecia e aquela conversa me fez um bem muito grande. Não sei o assunto que foi tratado e nem por quanto tempo proseamos, mas sei que foi fantástico. Acordei com uma vontade de voltar a conversar que ele, mesmo sem saber quem ele era.

Tenho cá minha teoria e creio fielmente que esse homem seja meu mentor espiritual que docemente perdeu horas a fio de sua vida espiritual para me consolar e me colocar no prumo. Acordei muito melhor. Ainda sinto um pouco de cansaço, mas espiritualmente estou renovada.

Não tenho grandes expectativas quanto ao meu futuro e também não pretendo perder meus dias pensando em como poderia ter sido se isso ou aquilo não tivesse acontecido. Acho que tudo que passamos nesta vida tem alguma razão de ser. Não quero procurar explicações médicas para as seqüelas que tive, mas quero encontrar forças espirituais para suportá-las com calma e perseverança no bem.

Tirar de toda dor motivos para sorrir e fazer os outros sorrirem é meu objetivo. Sabendo desse amparo da espiritualidade me faz crer que minha vida realmente é muito mais especial do que eu imaginava.

2 comentários:

Élys disse...

Tenha a certeza que é muito amparada pelo plano espiritual. Nunca desanime.
Deus está através de seus amigos espirituais lhe amparando.
Paz e Luz.

✿ chica disse...

Muito interessante essa "visita" que ganhaste, ainda que em sonho... Faz bem e nos faz refletir...A vida nos faz parar de vez em quando... Dá aviso, não os percebemos,... beijos,chica