sexta-feira, 25 de março de 2011

QUE RAIVAAAAAAAAA!!!!!!!!

Tinha que desabafar e colocar toda esta inquietação pra fora e nada melhor do que contar com os olhinhos atentos de meus seguidores!
Começa que ontem me enchi de orgulho de meu filho caçula, aquele que se formou, dizendo de sua indignação com a pixação do muro recém construído em volta do prédio onde moro. "Se pudesse, enchia a cara deles de porradas pra aprender" (palavras dele), além de "Se eu cruzo com esses moleques, eles vão ver só!" (também palavras deles). Pois bem, penso com meus botões: Fiz um belo trabalho criando um jovem com EXCELENTES NOÇÕES de CIDADANIA!
Pois bem!
Retorno eu de meu serviço, já avançado da noite, quando atravesso a guarita em retorno ao meu apartamento e dou com o porteiro me chamando ao canto:
- Dona Miriam, pixaram um aviso nos elevadores e a esposa do síndico pediu para que verificássemos nos vídeos quem teria sido. Nós verificamos e vimos que foi o Tiago (meu filho) e o Eric (filho da vizinha de baixo)...
Lá se foi o orgulho tão rápido quanto veio! Gente! Meu filho tem 17 anos, 17 anos e não 8 aninhos de idade pra fazer uma coisa dessas!!! E todo aquele discurso sobre "dar porradas nesses moleques"??
E a vergonha de ter que admitir que foi ele, pois lá no vídeo aparece a criatura pegando o aviso, tirando do quadro e recolocando-o no lugar todo pixado! Me senti um cisco! Levando esporro de graça por causa de uma idiotice, burrice e insanidade mental de meu filho de DEZESSETE ANOS de idade! Perguntei para o infeliz se ele havia pelo menos parado pra pensar que haviam CÂMERAS DE VÍDEO gravando todo o feito e ele só abaixou a cabeça com aquela cara de PALERMA QUE SÓ ELE TEM!!!!
AI QUE RAIVAAAAAAAAAAAA!!!!
E tudo isso pra desenher um bigodinho de Hitler na foto que estava no aviso do elevador! PODE? PODE??
Disseram ainda, que vão fazer um relatório para encaminhar aos responsáveis pelos FEDELHOS relatando o ocorrido! Tive vontade de encher ele de PORRADAS, mas não o fiz por três motivos: 1) ele está bem mais alto do que eu; 2) minhas articulações estão inflamadas portanto os tapas doeriam mais em mim do que nele e 3) bater não resolve e sim um bom papo (que foi feito aos BERROS de minha parte).
Enfim, percebi que ele ficou muito envergonhado, mas como um bom SEM VERGONHA que ele é, é muito bem provável que ficou rindo pelas minhas costas depois da bronca!!
FILHOS! SE NÃO TÊ-LOS, COMO SABÊ-LOS!!! fui...

11 comentários:

Jeanne disse...

DEZESSETE ANOS!rsrs...São umas crianças, claro que já sabem o que fazem, mas faz parte da adolescência estas atitudes de transgressão...
Quando criança a gente tocava a campainha das casas e saía correndo! E os trotes por telefone?
Claro que deves educar, mas às vezes tenho pena dos jovens de hoje que não aprontam nem metade do que a gente que tinha mais liberdade e brincava na rua mesmo, subia em árvores, os meninos faziam as maiores estripulias,rsrs
hoje são homens sérios e responsáveis, ninguém virou bandido por isto!
Beijos

Miriam Rose disse...

Tem razão! Minha mãe vive falando pro meu pai que vive ralhando com os netos: " você tem que dar graças a Deus que eles não fazem nem 1/10 de tudo o que você aprontou na adolescência". Ele resmunga, mas acaba concordando... obrigada amiga.

Fernanda Barcellos disse...

oiiiee

Ameiiiiiiii!

Me identifiquei muito contigo. Tenho um filho de 12 anos, na fase da rebeldia sem causa.Nossa....E que triste constatação ELE TAMBÉM ESTÁ MAIS ALTO QUE EU! hehe
Mas, acho que fazemos, sim, a nossa parte, se é bom ou ruim, não importa muito, foi o melhor que podiamos fazer naquele momento. E hoje em dia, o mundo tá louco e eles como adolescentes são vulneráveis a tudo de mau e de bom que há no mundo. Pena, q eles absorvem mais as coisas ruins!haha

Mas, vamos seguindo com estes meninos...

Beijos meus

Paula Li disse...

Oi Miriam, muito obrigada pela visita. Não tenho filhos, maa imagino como deve ser difícil e como você esta se sentindo mal com a travessura dele.
Minha mãe também teve muito trabalho com meu irmão e hoje ele é um responsável chefe de familia.
Pulso firme nele!!!
Gostei muito do seu blog.
Bjs

Miriam Rose disse...

Para Fernanda: Apesar de todas as traquinagens desses mocinhos, temos que admitir que são bons meninos,não é? E que amá-los é a coisa mais fácil do mundo!!!

Para Paula Li: Obrigada por gostar de meu blog! Ser filho nos dá uma vaga idéia do que será ser mãe!! Aproveite sua vida enquanto eles não vierem ok?

Ronaldo disse...

Me dizem que serei um excelente pai, ainda não tenho filhos, mas todos dizem que sou diferente, é facil cuidar dos do outro.

belo blog, e força, homens são dificeis ;o)

Miriam Rose disse...

Para Ronaldo: Tem razão, homens são difíceis! Tão difíceis que não conseguimos viver sem eles!!! Obrigada pelo apoio!

S* disse...

São complicados... essa é uma idade difícil.

Vestido de Rodar disse...

Oi Miriam!!! Que delicia receber sua visita, seu recadinho lindo..volta sempre? rsrs..Adorei seu blog, já estou te "perseguindo" estarei sempre por aqui! Beijos e muito obrigada! Re

Desabafo disse...

Nossa Mirian, que tremenda frustração e sensação de incapacidade.
Mas ninguém nunca disse que é fácil criar filhos né?
Tenho certeza que as coisas vão entrar nos eixos e adolescentes são assim, maluquinhos rsrsrs
Beijos e obrigada pela sua visitinha.

Poetisa (Helena) disse...

Não tenho filhos, sou apenas dois anos mais velha do que seu filho - apenas ajudo a criar meus irmãos. Agora não se culpe. Ele tem dezessete anos e sabe o que faz. Provavelmente ele vá rir, realmente, depois: "caracas, minha mãe teve um ataque". Não se frustre, faz parte (bem, eu nunca pixei nada no elevador, no ônibus ou em paredes, mas escrevia nas carteiras no tempo de escola).
A gente cresce e vai aprendendo. Ninguém é perfeito e todos cometemos erros. Suponho que com a idade dele você também cometeu os seus - e com isso não tiro sua razão.
Ele vai aprender, mesmo com a "cara de palerma".
Adorei seu blog, realmente às vezes dá vontade de desabafar.
Estarei seguindo e te convido a visitar/seguir:

http://escrevoparaviver.blogspot.com